segunda-feira, 1 de junho de 2015

Resenha: Coração Artificial - Viviane L. Ribeiro


Título: Coração Artificial

Autora: Viviane L. Ribeiro

Editora: Editora Multifoco

Número de páginas: 309 páginas

Ano: 2014















Sinopse: Gabriel é filho de um importante magnata da indústria de órgãos artificiais, e Alicia é apenas uma estudante inteligente o bastante para ter uma bolsa de estudo na mesma faculdade privada que Gabriel frequenta. O fato é que eles nunca teriam se conhecido se Gabriel não tivesse parado para ajudar Alicia com seus livros e muito menos se aproximado tanto se não a tivesse visto cantar em um bar numa noite. Então acontece um acidente de carro.E estranhamente as pessoas próximas a eles estão tentando mantê-los afastados, e enquanto isso, eles vivem a vida naturalmente, acreditando que o acidente não trouxe nenhuma consequência para suas vidas. Mas a verdade é que estão completamente errados.

Coração Artificial é narrado em primeira pessoa por Gabriel, um garoto que vive uma vida sem nenhum tipo de entusiasmo, cursa uma faculdade que não quer, tem amigos que para ele não têm muita importância em sua vida e vive em conflito com seu pai, que exige constantemente que o garoto siga seus passos e torne-se um dia seu sucessor na grande empresa de órgãos artificiais de que ele é dono.

Gabriel para mim é quase um ser apático, tem desejos e sonhos de uma vida diferente, mas está acomodado na vida que lhe foi imposta, gastando sua fortuna, competindo em corridas de carro, e assim passam seus dias.

Quando ele conhece Alicia na faculdade, algo começa a mudar nele, e com mais alguns encontros casuais entre os dois, eles começam uma amizade que aos poucos eu senti que foi despertando Gabriel para a vida.

É como se no início, eu enxergasse ele em preto e branco, e aos poucos, com o convívio seguido entre ele e Alicia, ele foi “criando cores”, é visível o quanto ele vai mudando e amadurecendo durante o desenrolar da história.

Alicia é uma menina comum, não tem algo que chame muito a atenção nela fisicamente, mas Gabriel vê nela o desejo de viver, a forma que ela valoriza as pequenas coisas da vida, tudo que ele não conseguia até então sentir.

Aos poucos a amizade vai se tornando um romance, mas nada avassalador ou muito cheio de paixão, até porque não combinaria com o perfil dos protagonistas, é tudo muito sutil e delicado.

O romance entre os dois não é bem visto ou aceito pela família dela, que acredita que a diferença de nível social entre eles sempre seria um empecilho, e em uma noite, depois de brigar com o irmão de Alicia, Gabriel e ela sofrem um acidente de carro.

A partir de então, o que a princípio parecia uma implicância da família dela com ele, torna-se uma proibição, Alicia e Gabriel não podem mais ficar juntos de maneira nenhuma. Mas porque esta decisão tão dura se Gabriel não foi o culpado pelo acidente, e nada de muito grave aconteceu com nenhum dos dois?

Fiquei muito curiosa com este livro quando li a sinopse dele no skoob, a autora viu que eu tinha me interessado e me enviou uma mensagem super atenciosa e querida, se disponibilizando a me enviar o livro, e agora é a mais nova Autora parceira aqui do blog.

Viviane (para saber mais sobre a autora clique aqui) soube manter o mistério até o fim, criou um protagonista denso que cresceu durante a história, o que foi muito legal de acompanhar. A forma que ela abordou as diferentes formas da problemática familiar, tanto de Gabriel quanto de Alicia também me agradou muito, tudo é mostrado por diferentes perspectivas, onde conseguimos entender melhor os porquês das ações e motivações dos personagens.

O desfecho é totalmente fora do comum, o que eu adorei, acho que foi a melhor escolha mesmo sendo um tanto audaciosa, me fez gostar ainda mais da história.

Dou 4 estrelas e não 5 para o livro por um único motivo, a correção ortográfica poderia ter sido mais bem revisada e teve alguns erros que me incomodaram um pouco, mas recomendo muito a leitura para quem gosta de histórias que focam em assuntos diferentes e sem finais clichês.





Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Ouxeee autora brasileira que massa!!
    Gostei da sinopse porque ela não diz muita coisa, e eu detesto saber muito antes de ler :)
    Achei interessante e o final não é clichê como você disse, fiquei curiosa.

    Adoro histórias de amor ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou Léa, fico muito feliz!
      Beijinhos

      Excluir
  2. Oi Alice, tudo bem? Primeiro quero dizer que achei seu blog lindo! Sou apaixonado pela 'Alice' desde sempre e adoro os blogs que colocam isso como tema.São lindos!
    Mas além disso você escreve muito bem. Gostei e já estou seguindo.
    Quanto ao livro, a literatura nacional está cada vez melhor e ganhando um espaço incrível,com histórias realmente boas. Eu não li CORAÇÃO ARTIFICIAL, mas pare muito boa a história.Pelo que vi o romance não espera pra acontecer no final, mas parece real por ter esses empecilhos até que a história termine e não faça dela tão clichê. Fiquei interessado.

    P.S: POde responder a TAG Frases de mãe também. Me avisa quando responder.
    Bjão,
    Diego França
    Blog Vida & Letras
    http://blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba que legal Diego! Também adorei teu blog e já estou seguindo! Pode deixar que aviso quando fizer a TAG, beijos!

      Excluir
  3. Alice. Faz tempo que quero te contar que eu faço as compras de Livros que nós vendemos aqui na Camnpal e sempre me inspiro no blog. Hj fui fazer o pedido do mês e peguei toda a lista de maio que tu publicou. Já a de Junho não me chamou muito a atenção. Mas continuo tirando boas ideias daqui. Bjao amiga. CATI

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Cati querida, fico muito feliz em saber disso! Beijos

      Excluir