segunda-feira, 23 de março de 2015

Antes de Dormir: Resenha Filme x Livro

Título Nacional: Antes de Dormir

Título Original: Before I go to sleep

Autor: S.J. Watson

Editora: Record

Ano:2012

Número de Páginas: 399










Sinopse:Todos as manhãs, Christine acorda sem saber onde está. 
Suas memórias desaparecem todas as vezes que ela dorme. Seu marido, Ben, é um estranho. Todos os dias ele tem de recontar a vida deles e o misterioso acidente que tornou Christine uma amnésica. 
Encorajada por um médico, ela começa a escrever um diário para ajudá-la a reconstruir suas memórias, mas acaba descobrindo que a única pessoa em quem confia talvez esteja contando apenas parte da história.

Pela segunda vez este mês assisti ao filme antes de ler o livro, coisa que não costumo fazer, mas minha rotina anda de pernas para o ar, então espero que logo tudo volte ao normal.

Antes de Dormir é um thriller psicológico muito bem feito, meu gênero preferido de filmes, mas que não conseguiu bater o livro que na minha opinião, é bem mais denso e angustiante.

A narrativa é em primeira pessoa, conhecemos toda a história através da protagonista Christine (Nicole Kidman).

 O livro é dividido em três partes, o presente, onde conhecemos a protagonista e o transtorno do qual ela sofre,depois de um acidente, seu cérebro não registra mais os acontecimentos de uma forma normal, toda noite quando ela vai dormir ele “apaga” os acontecimentos do dia e na manhã seguinte ela precisa reaprender tudo em sua atual vida, inclusive o fato de ser casada com alguém de quem não lembra.

Na segunda parte do livro temos acesso ao diário de Christine (no filme ela documenta os acontecimentos em vídeo). Ela registra neste diário todos os acontecimentos de seu dia a dia que julga serem relevantes para desvendar o motivo de sua doença. 
Logo na primeira vez que ela encontra o diário a primeira frase que ela lê já é bastante assustadora: “Não confie em Ben”.

Sabemos que Ben (Colin Firth), marido de Christine, esconde acontecimentos dela desde o início do livro/filme, só não sabemos se são para o próprio bem da mulher ou se ele realmente não é o que demonstra, um marido dedicado e amoroso.

Aos poucos com a ajuda de um Neurologista que ajuda Christine, ela vai tendo flashes de lembranças que a principio são bem desconexas, o que só deixa o leitor mais angustiado e curioso sobre o que está acontecendo.

 A descoberta dos mistérios vai acontecendo gradualmente e de uma forma bem fluida o que torna a leitura rápida e fácil.

A terceira e última parte é “quando o bicho pega” e a ação realmente acontece, aí você já está arrancando os cabelos de tensão. 
Nesta parte todas as peças do quebra cabeça vão se encaixando e quando você descobre o que aconteceu fica de queixo caído.





A desconfiança que a protagonista sente durante a trama passa para o leitor e realmente, 
fiquei tentando notar algo de suspeito nos personagens o tempo inteiro. 

Em quem ela pode confiar se muitas vezes duvida até dela mesma? 

O final do livro/filme é incrível, amo quando o Autor consegue “me pegar” e não consigo desvendar o mistério, pelo menos não por completo.

Recomendo para quem é fã de suspense, thriller psicológico e finais surpreendentes.



Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Caraca!!!! Amei!!!
    Eu adoro thriller psicológicos e suspense... e como não sabia da existência desse livro, nem mesmo do filme ainda?
    Correndo já pra anotar para as próximas leituras... aqueeeela lista que não para de crescer nunca!
    :)
    Amei a resenha e você é quem me deixou angustiada pra saber qual é o x da questão da trama toda!
    Não faça isso, menina! rs
    Brincadeira!

    Bjs
    MaH

    @oquedissealice
    http://oquedissealice.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mah este livro já estava "encostado" na minha estante a uns 2 anos e me forcei a lê-lo agora por causa do filme!
      Muito bom, super vale a pena!
      beijos

      Excluir